Incensos, modo de fazer e seus usos:

O processo é muito simples, e para isto é necessário somente de um fogareiro, carvão e ervas, quando se tratar de incenso de noz-moscada, bastará aquecer o carvão e jogar nas brasas a noz-moscada em pó ou ralada.

O incenso é muito importante, pois através dele ativamos o plano espiritual e manifestamos a força dos elementais com isso captamos energias positivas, que nos auxiliarão, o efeito protetor de um incenso leva, em média, de quatro a doze horas.

Nunca queime incenso sem nenhum motivo. Lembre-se de que ele é uma poderosa ferramenta mágica e, mal utilizada, trará conseqüências nefastas.

Faça uma pequena prateleira e armazene seus incensos em vidros hermeticamente fechados, pois em contato com o ar, perdem seu aroma e muitas vezes sua eficácia.Muitos incensos partem de ingredientes de sua cozinha, mas não é por isso que você vai pegar o vidro de sua canela, reservada para doces, e colocá-la para queimar! Lembre-se que o incenso é uma das primeiras oferendas aos deuses, e por isso deve ser tratado com muito respeito.

Tire um dia só para selecionar e armazenar ervas e resinas. Quando o fizer, concentre-se somente em coisas positivas. Não faça desse ritual alguma coisa burocrática ou aborrecida. Trabalhe com prazer, pois assim estará impregnando o incenso de energia positiva.